<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d6779334299592895871\x26blogName\x3dJornal+do+Fundinho\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dSILVER\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://jornaldofundinho.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3dpt_PT\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://jornaldofundinho.blogspot.com/\x26vt\x3d7297088095981209215', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script>







   





   

Real fez 35 milhões com vendas da camisola de James, BES já mandou imprimir t-shirts com nome de Vítor Bento

26 julho, 2014

Fãs do novo presidente podem garantir sucesso.

Com a venda de 345 mil camisolas, apenas nos dois primeiros dias depois da sua apresentação no Real Madrid, James Rodriguez já permitiu ao clube espanhol faturar cerca de 35 milhões de euros, tornando-se no jogador que mais equipamentos faz vender na Europa. O montante encaixado inspirou entretanto a nova administração do BES, confrontada com cada vez mais golpes na credibilidade e sustentabilidade do banco, a anunciar que vão começar a ser vendidas t-shirts com o nome de Vítor Bento impresso.

Camisolas de Vítor Bento já estão a ser produzidas [foto E. Calhau]

«Já mandámos imprimir as primeiras e, se tudo correr bem, só na sede do PSD e na redação do Observador contamos vender o equivalente a 12 milhões de euros», afirmou, em exclusivo para o Jornal do Fundinho, o novo presidente executivo do BES. Bento revelou ainda que outros dez milhões deverão vir de uma encomenda feita pelo Banco de Portugal. «Só o Carlos Costa disse logo que queria ficar com dez camisolas minhas», revelou.
No total, o BES espera com esta operação de marketing conseguir um montante a rondar os 60 milhões de euros, ou, como surge no comunicado enviado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários, vinte cauções de Ricardo Salgado. As t-shirts poderão ser adquiridas aos balcões do banco, na Herdade da Comporta e na loja do ‘Zé das Medalhas’.

Etiquetas:

Eufémia Saraiva | 0 comentário(s) |

Família Espírito Santo continua a brincar aos pobrezinhos na Comporta mas agora é aos pobrezinhos que têm depósitos no BES

24 julho, 2014

Detenção de Ricardo Salgado encarada sem dramatismo.

Depois de ter causado polémica no ano passado, ao afirmar que costumava «brincar aos pobrezinhos» com a família na Herdade da Comporta, Cristina Espírito Santo volta a ser notícia depois de revelar qual o divertimento familiar que está a ser preparado para este verão. «Este ano vamos na mesma brincar aos pobrezinhos, só que vai ser aos pobrezinhos que, sei lá, depositaram o seu dinheiro no BES e pensaram que nós o íamos guardar a vida toda», declarou, em rigoroso exclusivo para o Jornal do Fundinho.
As habituais férias de família na Comporta assumem este ano uma particular importância para os Espírito Santo, uma vez que servirão para ajudar a esquecer os vários problemas que os afetam, como a recente detenção de Ricardo Salgado. Cristina confirmou isto mesmo: «Olhe, vamos tentar não ter energias negativas, ‘tá a ver? Até porque, mesmo que o primo Ricardo vá dentro, de certeza que a cela dele terá condições muito melhores do que um daqueles horríveis T1 na Reboleira onde os pobrezinhos vivem».

Ricardo e Catarina vivem a sua fantasia de pobrezinhos [foto E. Calhau]

A filha de Jorge e Kiki (e neta de Bobó, sobrinha de Fufu, cunhada de Lelé e afilhada de Vavá) explicou ainda que, para passarem o tempo e se abstraírem dos problemas no Grupo Espírito Santo, os membros do clã jogarão alguns jogos tradicionais revisitados. «Vamos brincar à Apanhada, mas nos anos anteriores era a fazer de conta que estávamos a fugir do Fisco, este ano vamos fazer de conta que estamos a fugir da polícia. E depois vamos brincar ao Jogo da Macaca, mas numa versão em que, quando os pobrezinhos que meteram o seu dinheiro no BES olham, nós ficamos muito quietos para eles não perceberem que estamos a fugir para a América do Sul onde entretanto escondemos a nossa fortuna toda. Vai ser só rir», explicou.
A Herdade da Comporta, no concelho de Alcácer do Sal, é pertença dos Espírito Santo e ‘empresta’ também o nome a uma empresa em que aquela família agrega várias propriedades. E que deve estar muito mal. O BES é que não está! É o Grupo, não é o BES, caraças!

Etiquetas:

Eufémia Saraiva | 0 comentário(s) |

Sporting TV arranca hoje e jornalistas já sonham em sair no fim da época para canais do Barcelona e do Manchester United

17 julho, 2014

Concorrência obriga a resposta imediata da Benfica TV.

Depois de o Sporting anunciar que o canal de televisão do clube entra hoje no ar, não demoraram a surgir rumores sobre jornalistas envolvidos no projeto que esperam dar o salto no final da época para as televisões de Barcelona, Manchester United, Real Madrid ou Liverpool. O produto da formação leonina (estagiou no Jornal do Sporting) José Miguel Vasconcelos confessou, em exclusivo para o Jornal do Fundinho, as suas intenções: «O meu sonho é fazer como o Ilori: seis mesitos nos noticiários da madrugada, mais seis mesitos em prime time e pimba! Liverpool FC TV aí vou eu!»
O objetivo de seguir a carreira no estrangeiro será, de resto, comum a quase todos os profissionais envolvidos no novo órgão de comunicação social. A única exceção será, de acordo com as informações apuradas, um primo de João Moutinho, que pretende transferir-se para o Porto Canal. Vasconcelos admite que o ambiente no balneário da Sporting TV aponta para uma debandada no final do ano desportivo, independentemente das intenções do próprio clube: «Eu sei que o presidente Bruno de Carvalho gosta de humilhar os jogadores que não fazem o que ele quer mandando-os para a equipa B, mas tanto eu como os meus colegas vamos resistir, nem que ele nos mande para o Observador».

Bruno de Carvalho atento a pretendentes [foto E. Calhau]

Entretanto, foi divulgada a grelha de programas da Sporting TV, sendo claro que a aposta passa por replicar grandes sucessos da história da televisão em Portugal. Por exemplo, um dos destaques será “Inácio & Companhia”, que, inspirando-se em “Duarte & Companhia”, segue as aventuras de Augusto Inácio e Virgílio enquanto dupla com pouco jeito para as funções que ocupa mas que, sem se saber muito bem como, lá vai conseguindo ter sucesso. Todos os dias será exibida uma versão de “Vila Faia”, intitulada “Vila Roquette”, em que é contada a história de ascensão e queda de um produtor de vinhos e da sua descendência, e uma vez por semana os programas “Liga dos Últimos” e “Dinheiro Vivo” têm a sua versão leonina: “Liga dos Sétimos” segue as carreiras dos treinadores e jogadores que representaram o Sporting na época de 2012/2013, enquanto “Contrato Vivo” tenta explicar os valores absurdos das cláusulas de rescisão dos jogadores contratados pela atual direção. Os mais pequenos também não foram esquecidos, com “Os Amigos do Catio Baldé” a emular “Os Amigos do Gaspar”, só que neste caso é o agente guineense que lidera um grupo de jovens que passam a vida a fazer tropelias.
O surgimento do canal de televisão do Sporting obrigou já os concorrentes a reagirem. A Benfica TV, do maior rival do clube de Alvalade, anunciou que vai começar a emitir também hoje um programa em que dois comentadores são mostrados a olhar durante hora e meia para um televisor sintonizado na Sporting TV.

Etiquetas:

Lucília Gralha | 0 comentário(s) |

Mundial marcado por suspeitas de resultado combinado entre Camarões e Croácia e de orações combinadas entre Papa argentino e Papa alemão

14 julho, 2014

Situações menos claras envolvem a Igreja Católica.

Ainda nem vinte e quatro horas passaram sobre a final do Campeonato do Mundo e já se levantam novas dúvidas sobre a verdade desportiva da prova, desta vez envolvendo os finalistas Argentina e Alemanha. Depois das suspeitas de um resultado combinado no encontro que opôs os Camarões à Croácia, a FIFA está agora a investigar a eventualidade de as seleções argentina e alemã terem chegado ao jogo decisivo em virtude de um esquema de orações combinadas entre o argentino Francisco e o alemão Bento XVI.

Deus tira à sorte entre os dois Papas [foto E. Calhau]

«Vamos fazer tudo para apurar a verdade, mas vai ser difícil: é complicado contactar Deus, a quem as orações foram dirigidas, porque ele está em todo o lado mas, ao mesmo tempo, ninguém sabe ao certo onde ele anda», reconheceu Joseph Blatter, em exclusivo para o Jornal do Fundinho. O presidente da FIFA confirmou ainda que é verdade que tem uma entrada ‘Deus’ no seu telemóvel, mas explicou que esse é o número do banco onde guarda o seu dinheiro.
Para já, o Vaticano optou por não comentar o envolvimento do Papa e do Papa Emérito neste alegado esquema de viciação de resultados, mas a verdade é que não é a primeira vez que o Catolicismo se vê envolvido em situações suspeitas no futebol. Em Portugal, por exemplo, o domínio do campeonato tem sido repartido entre uma equipa presidida por um Papa e outra treinada por Jesus. Isto já para não falar na contratação de Espírito Santo pelo Valência, que muitos consideram ser o maior milagre a acontecer desde a multiplicação dos pães.

Etiquetas: ,

Manuel Feijão | 0 comentário(s) |

Juncker reafirma que aprendeu português com vizinhos emigrantes e que as suas palavras preferidas são ‘pubéla’, ‘machina’ e ‘chupa, qué golo do Benfica’

11 julho, 2014

Futuro presidente da CE diz que discussão com deputado português foi «uma coneria».

Depois de, numa altercação com o eurodeputado João Ferreira, ter dito que compreendia a língua portuguesa porque tinha vizinhos emigrantes no Luxemburgo, Jean Claude Juncker explicou melhor a sua ligação com a lusofonia. «É mesmo verdade que aprendi com os meus vizinhos, porque toda a gente sabe que os portugueses falam alto para caraças. Por estar sempre a escutá-los aos berros, eu próprio passei a usar constantemente expressões como ‘pubéla’, ‘machina’, ‘isto não marcha’, ‘vamos de vacanças’, ‘acelera na autopista’ e ‘chupa, qué golo do Benfica’», revelou o candidato designado a presidente da Comissão Europeia (CE), em rigoroso exclusivo para o Jornal do Fundinho.

Juncker sabe tudo sobre Portugal [foto E. Calhau]

Apostado em demonstrar que a sua resposta ao deputado comunista não foi uma desculpa esfarrapada, Juncker fez questão de enunciar alguns autores em língua portuguesa que o marcaram: «Sempre ouvi falar dos grandes poetas, Camões, Pessoa... Mas com os meus vizinhos conheci os nomes verdadeiramente grandes, como Quim Barreiros, Nel Monteiro e, o maior de todos, Jorge Jesus». O antigo primeiro-ministro luxemburguês começou então a declamar a letra de “Chupa Teresa”, enquanto se dirigia para o seu automóvel com uma bandeirinha portuguesa no vidro da janela.

Etiquetas:

Pinto da Cruz | 0 comentário(s) |

PSD lança “Fatura da Sorte” para militantes e simpatizantes: “Administrador do BES da Sorte” já dá prémios

07 julho, 2014

Primeiros vencedores foram anunciados no fim de semana.

Qualquer militante do PSD que tenha as quotas em dia, ou simpatizante que tenha apoiado publicamente o Governo pelo menos uma vez nos últimos dois meses, vai ficar automaticamente habilitado a um cargo na administração ou direção do BES, agora que os social-democratas se preparam para lançar o concurso "Administrador do BES da Sorte". À semelhança do concurso "Fatura da Sorte", que premeia contribuintes que peçam faturas, também o sorteio do "Administrador do BES da Sorte" vai ser transmitido pela televisão, naquela que constitui uma das maiores apostas da nova PSD TV.

Marques Mendes vai apresentar sorteio [foto E. Calhau]

Mas enquanto isso não acontece, os sorteios já começaram, com os primeiros felizardos a serem Vítor Bento, Paulo Mota Pinto e Jorge Moreira Rato. O apresentador do futuro programa televisivo, Luís Marques Mendes, foi o primeiro a elogiar a escolha... a sorte, a elogiar a sorte. «É como ter Messi e Neymar na mesma equipa. E o que pode correr mal quando temos esses dois jogadores na mesma equipa, certo? O Barcelona esta época o quê?», afirmou, em exclusivo para o Jornal do Fundinho.

Etiquetas:

Castro Castanheira | 0 comentário(s) |

Ponto alto do regresso dos Monty Python é sketch em que imitam Seguro a interromper entrevista de Costa

02 julho, 2014

PS entre Seguro, Costa e a rapariga com as maiores mamas.

Os Monty Python tinham prometido um último regresso aos palcos para interpretar os seus mais famosos sketches e alguns outros nunca antes encenados, o que de si já seria notícia. Mas a primeira de dez noites do histórico grupo britânico na O2 Arena de Londres foi mais surpreendente do que uma aparição da Inquisição Espanhola, com John Cleese e Michael Palin a assumirem os papéis de António José Seguro e António Costa numa interpretação do famoso sketch em que o primeiro interrompeu uma entrevista do segundo à TVI durante um congresso do PS.

Palin e Cleese como Costa e Seguro [foto E. Calhau]

«Divertimo-nos muito a fazer este número, porque toda a gente conhece o nosso amor pelo nonsense», confessou Cleese, em exclusivo para o Jornal do Fundinho, revelando ainda que «só não foi perfeito porque, para isso, devia ter sido o Graham Chapman a fazer de Seguro... por estar morto, you see». A jornalista Constança Cunha e Sá, que participou no sketch original, fez de si própria nesta nova versão dos Monty Python e não cabia em si de contente no final do espetáculo, embora seja difícil afirmar com certeza se isso se devia a ter participado num momento histórico ou ao facto de estar a apenas cinco horas de carro do país do whisky.
O sucesso do inesperado sketch foi tal que, durante a sua interpretação, se gerou na O2 Arena uma enorme vaga de fundo para levar António Costa à liderança do PS. A sala só não ficou vazia nesse momento porque, perante a debandada de ingleses determinados a inscreverem-se nas diretas socialistas, Terry Jones gritou: «Ouçam bem: o Costa não é o Messias, é um menino muito maroto».

Etiquetas:

Lucília Gralha | 0 comentário(s) |

Carapau que adivinha qual o próximo órgão de comunicação social a despedir jornalistas é a nova sensação mediática

01 julho, 2014

Primeiras previsões acertaram em cheio.

Depois das notícias sobre o polvo, o touro, a tartaruga, o camelo e os pandas bebés que adivinham os resultados dos jogos do Campeonato do Mundo, é agora um carapau a concentrar as atenções dos jornalistas portugueses. Mas Acácio, assim se chama este peixe da zona de Portimão, não prevê o desfecho de partidas de futebol, mas sim qual o próximo órgão de comunicação social a anunciar um despedimento coletivo. «Tem sido muito útil para nós, porque assim é mais fácil convocar concentrações de jornalistas para fazer de conta que somos uma classe unida e com capacidade de se mobilizar para defender os nossos direitos», comentou Eleutério Loureiro, do Sindicato dos Jornalistas, em exclusivo para o Jornal do Fundinho.

Carapau Acácio já fez a sua escolha [foto E. Calhau]

O método utilizado para as previsões de Acácio é simples: são colocadas várias caixas com mexilhões junto ao carapau, que depois vai comendo daqui e dali a seu bel-prazer, qual proprietário da comunicação social a reestruturar a sua empresa. As caixas são ainda agrupadas em grandes grupos, dos quais o carapau se alimenta indiscriminadamente, porque, como explicou Eleutério Loureiro, «para este tipo de carapau de corrida tanto faz comer dum caixote como doutro, o que lhe importa é estar bem alimentado, enquanto quem se lixa é o mexilhão».
As primeiras antevisões de Acácio parecem indiciar que podemos estar, de facto, perante um carapau com dotes de adivinho, pois conseguiu prever os recentes despedimentos na Controlinveste. E nem essa barrigada de 140 mexilhões o impedirá de abocanhar mais uns quantos, pois se o carapau é um animal que nunca se farta, o mexilhão é um bicho que se contorce um bocado mas que acaba sempre na brasa.

Etiquetas: ,

Lucília Gralha | 0 comentário(s) |

    Arquivo 2007: fevereiro | março | abril | maio | junho | julho | agosto | setembro | outubro | novembro | dezembro
    Arquivo 2008: janeiro | junho | julho | agosto | setembro | outubro | novembro | dezembro
    Arquivo 2009: janeiro | fevereiro | março | abril | maio | junho | julho | agosto | setembro | outubro | novembro | dezembro
    Arquivo 2010: janeiro | fevereiro | março | abril | maio | junho | julho | agosto | setembro | outubro | novembro | dezembro
    Arquivo 2011: janeiro | fevereiro | março | abril | maio | junho | julho | agosto | setembro | outubro | novembro | dezembro
    Arquivo 2012: janeiro | fevereiro | março | abril | maio | junho | julho | agosto | setembro | outubro | novembro | dezembro
    Arquivo 2013: janeiro | fevereiro | março | abril | maio | junho | julho | outubro | novembro | dezembro
    Arquivo 2014: janeiro | fevereiro | março | abril | maio | junho | julho | agosto | setembro | outubro | novembro | dezembro
    Arquivo 2015: janeiro | fevereiro | março | abril


    2007-2013, Jornal do Fundinho. CC: Atribuição / Uso Não-Comercial / Vedada a Criação de Obras Derivadas.
    Diretor: Afonso Barata   Editor de Nacional: Castro Castanheira   Editor de Mundo: Pinto da Cruz   Editor de Economia: Eufémia Saraiva   Editor de Sociedade: Arnaldo Midões
    Editor de Artes+Media: Lucília Gralha   Editor de Desporto: Manuel Feijão   Editor de Fotografia: Eugénio Calhau   Cartoonista: Duarte Bexiga
    Canal do Fundinho: José Libório   Rádio do Fundinho: Odete Antunes