<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d6779334299592895871\x26blogName\x3dJornal+do+Fundinho\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dSILVER\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://jornaldofundinho.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3dpt_PT\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://jornaldofundinho.blogspot.com/\x26vt\x3d7297088095981209215', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script>







   





   

Estado Islâmico transformou refém em jornalista, patrões dos Media em Portugal há anos que fazem o contrário

29 outubro, 2014

Síndrome de estágio curricular é a nova síndrome de Estocolmo.

 Depois de um repórter britânico ter começado a ser usado pelos jihadistas do Estado Islâmico para protagonizar vídeos para-noticiosos disponibilizados na Internet, os patrões dos órgãos de comunicação social portugueses não demoraram a comentar o assunto. «É fácil transformar um refém sem liberdade num jornalista que faz tudo o que lhe disserem», comentou, em exclusivo para o Jornal do Fundinho, Francisco Pinto Balsemão, para depois concluir que «difícil é transformar um jornalista com liberdade num refém que faz tudo o que lhes disserem... mas nunca subestimem o poder dos baixos salários e da precariedade».

Balsemão com um refém... um jornalista! [foto E. Calhau]

Ainda segundo o presidente do grupo Impresa, «há anos que nos temos vindo a dedicar a este tipo de transformismo e temos sido muito bem-sucedidos». Balsemão argumentou até que o sucesso dos grandes grupos de comunicação social portugueses se pode medir pelo novo tipo de profissional que chega hoje às redações: «Há jornalistas que já nem precisam que os chefes lhes digam que têm de fazer notícias sobre a “Casa dos Segredos” ou sobre o murro que o Carrilho deu à Bárbara. Ainda no outro dia, houve um jovem que me viu a chegar à SIC e, do meio do nada, me perguntou: ‘Dr. Balsemão, quando é a sua próxima partida de golfe, que eu mal posso esperar para ir lá fazer uma reportagem?’»

Etiquetas:

Lucília Gralha | 0 comentário(s) |

Passos diz que app do Facebook para saber o que o Google diz de nós também é patética e preguiçosa

28 outubro, 2014

E há mais uma aplicação na lista negra do primeiro-ministro.

Depois de ter acusado os comentadores e os jornalistas portugueses de serem «patéticos» e «preguiçosos», Pedro Passos Coelho foi ao Facebook para ver se Camilo Lourenço e José Manuel Fernandes já tinham publicado atualizações a concordar com ele e acabou por utilizar a aplicação que permite saber o que o Google diz sobre uma determinada pessoa. Mas os resultados não deixaram o primeiro-ministro satisfeito, como o próprio confessou, em exclusivo para o Jornal do Fundinho: «Esta app é ainda mais patética e preguiçosa do que a Constança Cunha e Sá e igualmente irritante».

Passos não gosta de nova app [foto E. Calhau]

Passos explicou depois ter ficado extremamente frustrado com as descrições propostas pela aplicação: «Só à vigésima-quinta tentativa é que me apareceu ‘Passos Coelho é o maior de sempre’! Antes, o Google só dizia ‘Passos Coelho só acabou o curso aos 37 anos’, ‘Passos Coelho fez uma audição para o La Féria e foi chumbado’, ‘Passos Coelho é um ex-toxicodependente’, ‘Passos Coelho foi casado com a Fá das Doce e batia-lhe’...» O líder do PSD revelou ainda que fez depois algumas tentativas com outros perfis do Facebook que gere, como os da Tecnoforma e da troika, e que a experiência não foi melhor.
A nova aplicação da moda foi desenvolvida pelo site Metro Fun Apps, que conta com várias outras do mesmo género, como ‘How Much Honest Are You?’, que mede o grau de honestidade de uma pessoa. Passos Coelho garantiu não se lembrar do seu resultado neste teste e, passados alguns minutos, recebemos um telefonema do advogado da Tecnoforma a ameaçar processar-nos se revelássemos que ele só tinha obtido 12%.

Etiquetas:

Castro Castanheira | 0 comentário(s) |

Passos Coelho mandou Maria Luís ir ver o que Portas estava a fazer porque «o miúdo já está há muito tempo calado»

24 outubro, 2014

Birras do líder do CDS voltam a preocupar.

Mais de uma semana após a entrega da proposta de Orçamento do Estado para 2015, Paulo Portais limitou-se até agora a uma breve e tímida explicação sobre o papel do CDS-PP na elaboração da mesma, o que traz Pedro Passos Coelho desconfiado. «Ó Maria, vai ver o que é que o miúdo anda a fazer, que ele já está há muito tempo calado», pediu, por isso, o primeiro-ministro à ministra das Finanças, esta manhã.

Afinal, Portas estava entretido a brincar [foto E. Calhau]

«E eu fui ver e ele lá estava muito sossegado, a brincar com os submarinos no lavatório», explicou Maria Luís Albuquerque, em rigoroso exclusivo para o Jornal do Fundinho. A ministra não deixou, no entanto, de ficar preocupada com o seu colega de Governo: «Achei-o muito triste, muito metido nele mesmo, mas quando lhe perguntei o que é que ele tinha, só me disse que as sondagens isto e as sondagens aquilo... Eu só sei que quando ele fica assim tanto tempo calado a pensar, é porque está a preparar alguma. Eu disse-lhe logo que esperava não ser chamada ao Conselho de Ministros por causa dele».
Os receios de Passos Coelho e Maria Luís Albuquerque não são infundados. No ano passado, Portas fez uma das suas birras mais famosas, anunciando a decisão irrevogável de «não voltar a brincar com os meninos do PSD», que viria a reconsiderar depois o primeiro-ministro lhe prometer que podia ser o chefe nos dias em que ele não estivesse.

Etiquetas:

Castro Castanheira | 0 comentário(s) |

Covilhã entregou chave da cidade a José Sócrates mas, pelo sim pelo não, a seguir mudou a fechadura

21 outubro, 2014

Obras de Sócrates elogiadas, com toda a gente a conseguir conter o riso.

José Sócrates recebeu ontem a Chave da Cidade da Covilhã, mas, assim que o antigo primeiro-ministro abandonou a cerimónia, o presidente da Câmara chamou o serralheiro e mandou mudar a fechadura. «O que é que pensam? Eu sou socialista mas não sou estúpido», afirmou Vítor Pereira, em exclusivo para o Jornal do Fundinho, explicando: «Não é por nada, eu só não quero é que ele venha ao domingo para os Paços do Concelho jogar futebol com os amigos».

Sócrates recebeu a chave, mas a fechadura já não é a mesma [foto E. Calhau]

Apesar desta decisão, o edil não deixou de reforçar os motivos que levaram à distinção de José Sócrates. «Várias obras na região foram feitas graças ao seu empenho, como a construção da Faculdade de Ciências da Saúde ou a construção da A23, mas o que mais lhe agradecemos é que não tenha feito questão de ser ele a assinar esses projetos», sustentou Vítor Pereira.
Quanto a José Sócrates, assumiu «uma dívida de gratidão» para com a Covilhã, que garantiu querer pagar. O presidente da Câmara confirmou: «O que ele me disse é que não pode agora pagar em dinheiro, porque parece que as fotocópias em Paris são muito caras, mas que vai mandar-nos uma centena de Magalhães que ainda tem no sótão».

Etiquetas:

Castro Castanheira | 0 comentário(s) |

Ébola pode chegar a Portugal, Jorge Jesus garante que foi ele que o descobriu

11 outubro, 2014

Qualidades do vírus entusiasmam o treinador do Benfica e Alexandre Dumas.

A possibilidade de o vírus do ébola chegar a Portugal, apesar de diminuta, existe mesmo e tem motivado reações dos mais diversos quadrantes. A mais recente foi a de Jorge Jesus, com o técnico a declarar, em exclusivo para o Jornal do Fundinho, que «se o ébola vier para Portugal, o mérito é meu... os senhores da Direção-Geral de Saúde conheciam tanto o ébola como eu conheço o D’Artagnan». De acordo com o treinador do Benfica, foi ele que descobriu o ébola quando observava Talisca: «Fui ver jogar o Talisca, mas percebi logo que o ébola era um matador».

Jorge Jesus observando o ébola [foto E. Calhau]

Jesus mostrou-se ainda convicto do sucesso do vírus, apesar de ainda estar a começar. «O ébola tem um longo caminho a fazer na Europa, enquanto que em África ele está mais à vontade», afirmou, contrapondo que «aqui ele pode é tornar-se famoso, com capas e mais capas de jornais a falar do seu killer instinct, ao passo que pode fazer miséria numa data de países africanos que ninguém lhe liga».
Apesar de o mercado só voltar a abrir em Janeiro, a Direção-Geral de Saúde admite a chegada antecipada do ébola ao território nacional e o clube da Luz parece estar na frente da corrida. «Não seria o primeiro vírus a alinhar no Benfica. O Emerson, o Bruno Cortez e o Roberto até davam raiva», reconheceu Jorge Jesus.

Etiquetas:

Arnaldo Midões | 0 comentário(s) |

Governo já fez as contas: Fernando Santos vai ser o português com maior desconto no IRS por ter idosos a cargo

07 outubro, 2014

Selecionador está satisfeito, mas quer mais.

O primeiro estágio da Seleção Nacional de futebol sob o comando de Fernando Santos começou com boas notícias para o novo treinador da equipa portuguesa. De acordo com as contas já feitas pelo Governo, caso se concretize a proposta para incluir no cálculo do IRS os idosos a cargo, Santos vai ser o contribuinte a conseguir uma poupança maior quando entregar a próxima declaração daquele imposto.

Santos observa mais jogadores para a Seleção [foto E. Calhau]

«É mais uma prova de que as convocatórias do Ricardo Carvalho, Bruno Alves e Tiago têm mais vantagens do que desvantagens, mesmo sabendo que ter de mudar a algália do Ricardo a cada duas horas é um bocado chato», comentou o selecionador português, em rigoroso exclusivo para o Jornal do Fundinho. Apesar das boas perspetivas, Santos não deixou de pedir mais ao Governo em termos fiscais: «É importante olhar de igual modo para os dependentes com deficiência, como o Tiago, que, derivado ao Alzheimer, já não se lembra de ter mandado o fax a renunciar à Seleção».
A estreia de Fernando Santos como selecionador de Portugal está também a ser marcada por questões táticas, a mais importante das quais será a possível deslocação de Cristiano Ronaldo para o centro do terreno, de forma a jogar mais perto da baliza adversária. «Estamos a estudar essa solução, que me parece boa, sobretudo porque me permitiria convocar o José Augusto e o Simões para alinharem nas alas», admitiu Santos.

Etiquetas:

Manuel Feijão | 0 comentário(s) |

    Arquivo 2007: fevereiro | março | abril | maio | junho | julho | agosto | setembro | outubro | novembro | dezembro
    Arquivo 2008: janeiro | junho | julho | agosto | setembro | outubro | novembro | dezembro
    Arquivo 2009: janeiro | fevereiro | março | abril | maio | junho | julho | agosto | setembro | outubro | novembro | dezembro
    Arquivo 2010: janeiro | fevereiro | março | abril | maio | junho | julho | agosto | setembro | outubro | novembro | dezembro
    Arquivo 2011: janeiro | fevereiro | março | abril | maio | junho | julho | agosto | setembro | outubro | novembro | dezembro
    Arquivo 2012: janeiro | fevereiro | março | abril | maio | junho | julho | agosto | setembro | outubro | novembro | dezembro
    Arquivo 2013: janeiro | fevereiro | março | abril | maio | junho | julho | outubro | novembro | dezembro
    Arquivo 2014: janeiro | fevereiro | março | abril | maio | junho | julho | agosto | setembro | outubro | novembro | dezembro
    Arquivo 2015: janeiro | fevereiro | março | abril


    2007-2013, Jornal do Fundinho. CC: Atribuição / Uso Não-Comercial / Vedada a Criação de Obras Derivadas.
    Diretor: Afonso Barata   Editor de Nacional: Castro Castanheira   Editor de Mundo: Pinto da Cruz   Editor de Economia: Eufémia Saraiva   Editor de Sociedade: Arnaldo Midões
    Editor de Artes+Media: Lucília Gralha   Editor de Desporto: Manuel Feijão   Editor de Fotografia: Eugénio Calhau   Cartoonista: Duarte Bexiga
    Canal do Fundinho: José Libório   Rádio do Fundinho: Odete Antunes