<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d6779334299592895871\x26blogName\x3dJornal+do+Fundinho\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dSILVER\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://jornaldofundinho.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3dpt_PT\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://jornaldofundinho.blogspot.com/\x26vt\x3d7297088095981209215', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script>







   





   

Estado Islâmico transformou refém em jornalista, patrões dos Media em Portugal há anos que fazem o contrário

29 outubro, 2014

Síndrome de estágio curricular é a nova síndrome de Estocolmo.

 Depois de um repórter britânico ter começado a ser usado pelos jihadistas do Estado Islâmico para protagonizar vídeos para-noticiosos disponibilizados na Internet, os patrões dos órgãos de comunicação social portugueses não demoraram a comentar o assunto. «É fácil transformar um refém sem liberdade num jornalista que faz tudo o que lhe disserem», comentou, em exclusivo para o Jornal do Fundinho, Francisco Pinto Balsemão, para depois concluir que «difícil é transformar um jornalista com liberdade num refém que faz tudo o que lhes disserem... mas nunca subestimem o poder dos baixos salários e da precariedade».

Balsemão com um refém... um jornalista! [foto E. Calhau]

Ainda segundo o presidente do grupo Impresa, «há anos que nos temos vindo a dedicar a este tipo de transformismo e temos sido muito bem-sucedidos». Balsemão argumentou até que o sucesso dos grandes grupos de comunicação social portugueses se pode medir pelo novo tipo de profissional que chega hoje às redações: «Há jornalistas que já nem precisam que os chefes lhes digam que têm de fazer notícias sobre a “Casa dos Segredos” ou sobre o murro que o Carrilho deu à Bárbara. Ainda no outro dia, houve um jovem que me viu a chegar à SIC e, do meio do nada, me perguntou: ‘Dr. Balsemão, quando é a sua próxima partida de golfe, que eu mal posso esperar para ir lá fazer uma reportagem?’»

Etiquetas:

Lucília Gralha

0 comentário(s):

Comentar


    Arquivo 2007: fevereiro | março | abril | maio | junho | julho | agosto | setembro | outubro | novembro | dezembro
    Arquivo 2008: janeiro | junho | julho | agosto | setembro | outubro | novembro | dezembro
    Arquivo 2009: janeiro | fevereiro | março | abril | maio | junho | julho | agosto | setembro | outubro | novembro | dezembro
    Arquivo 2010: janeiro | fevereiro | março | abril | maio | junho | julho | agosto | setembro | outubro | novembro | dezembro
    Arquivo 2011: janeiro | fevereiro | março | abril | maio | junho | julho | agosto | setembro | outubro | novembro | dezembro
    Arquivo 2012: janeiro | fevereiro | março | abril | maio | junho | julho | agosto | setembro | outubro | novembro | dezembro
    Arquivo 2013: janeiro | fevereiro | março | abril | maio | junho | julho | outubro | novembro | dezembro
    Arquivo 2014: janeiro | fevereiro | março | abril | maio | junho | julho | agosto | setembro | outubro | novembro | dezembro
    Arquivo 2015: janeiro | fevereiro | março | abril


    2007-2013, Jornal do Fundinho. CC: Atribuição / Uso Não-Comercial / Vedada a Criação de Obras Derivadas.
    Diretor: Afonso Barata   Editor de Nacional: Castro Castanheira   Editor de Mundo: Pinto da Cruz   Editor de Economia: Eufémia Saraiva   Editor de Sociedade: Arnaldo Midões
    Editor de Artes+Media: Lucília Gralha   Editor de Desporto: Manuel Feijão   Editor de Fotografia: Eugénio Calhau   Cartoonista: Duarte Bexiga
    Canal do Fundinho: José Libório   Rádio do Fundinho: Odete Antunes