<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d6779334299592895871\x26blogName\x3dJornal+do+Fundinho\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dSILVER\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://jornaldofundinho.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3dpt_PT\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://jornaldofundinho.blogspot.com/\x26vt\x3d7297088095981209215', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script>







   





   

Magoado com insultos no Facebook, Passos muda OE e diz aos portugueses «I don’t want your money, honey, I want your love»

14 outubro, 2011

Nova proposta vai ser enviada para todos os partidos, com muito amor.

Depois de ter visto a sua página na rede social Facebook inundada de insultos, após o anúncio de novas medidas de austeridade, Pedro Passos Coelho sentiu-se muito magoado e decidiu rever todo o Orçamento do Estado para 2012. «Fiquei mesmo machucado... Eu quero que as pessoas gostem de mim como gostavam antes. Por isso, portugueses, esqueçam os cortes e os impostos, vamos todos ser amigos outra vez», afirmou o primeiro-ministro, em exclusivo para o Jornal do Fundinho, antes de começar a trautear, na sua inconfundível voz de barítono, «I don’t want your money, honey, I want your love... I want your love, I want yout lo-o-o-ove!»
Passos Coelho anunciou, de seguida, que todas as medidas gravosas previstas para o Orçamento do Estado do próximo ano irão ser substituídas por novas soluções, que lançarão Portugal num inexorável caminho de felicidade, carinho e amizade. «O IVA da restauração já não vai aumentar: o único valor acrescentado de que eu quero ouvir falar é o do amor. E os subsídios de Natal e de férias já não serão cortados, pelo contrário, vamos até criar o subsídio de São Valentim», explicou, acrescentando ainda que «o horário de trabalho não vai ser aumentado em meia hora por dia, vai antes passar a ser de meia hora por dia, que é para podermos todos dedicar o nosso tempo livre a amar».
A nova proposta de Orçamento do Estado deve ser entregue ainda hoje aos partidos com assento parlamentar, juntamente com um ramo de flores que será acompanhado de um cartão escrito pelo próprio líder do Governo. Neste, poderá ler-se a frase «Não podemos todos dar-nos bem? Queria mesmo que fossemos todos amigos. Fazem-me um like no Facebook, fazem?»

Etiquetas:

Castro Castanheira

0 comentário(s):

Comentar


    Arquivo 2007: fevereiro | março | abril | maio | junho | julho | agosto | setembro | outubro | novembro | dezembro
    Arquivo 2008: janeiro | junho | julho | agosto | setembro | outubro | novembro | dezembro
    Arquivo 2009: janeiro | fevereiro | março | abril | maio | junho | julho | agosto | setembro | outubro | novembro | dezembro
    Arquivo 2010: janeiro | fevereiro | março | abril | maio | junho | julho | agosto | setembro | outubro | novembro | dezembro
    Arquivo 2011: janeiro | fevereiro | março | abril | maio | junho | julho | agosto | setembro | outubro | novembro | dezembro
    Arquivo 2012: janeiro | fevereiro | março | abril | maio | junho | julho | agosto | setembro | outubro | novembro | dezembro
    Arquivo 2013: janeiro | fevereiro | março | abril | maio | junho | julho | outubro | novembro | dezembro
    Arquivo 2014: janeiro | fevereiro | março | abril | maio | junho | julho | agosto | setembro | outubro | novembro | dezembro
    Arquivo 2015: janeiro | fevereiro | março | abril


    2007-2013, Jornal do Fundinho. CC: Atribuição / Uso Não-Comercial / Vedada a Criação de Obras Derivadas.
    Diretor: Afonso Barata   Editor de Nacional: Castro Castanheira   Editor de Mundo: Pinto da Cruz   Editor de Economia: Eufémia Saraiva   Editor de Sociedade: Arnaldo Midões
    Editor de Artes+Media: Lucília Gralha   Editor de Desporto: Manuel Feijão   Editor de Fotografia: Eugénio Calhau   Cartoonista: Duarte Bexiga
    Canal do Fundinho: José Libório   Rádio do Fundinho: Odete Antunes