<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d6779334299592895871\x26blogName\x3dJornal+do+Fundinho\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dSILVER\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://jornaldofundinho.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3dpt_PT\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://jornaldofundinho.blogspot.com/\x26vt\x3d7297088095981209215', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script>







   





   

Alberto Magina está farto que digam que ele é valuco e maidoso

05 setembro, 2011

Silly season strikes again, baby!

Foi enquanto combinava uma saída com amigos que Alberto Magina percebeu que já não aguentava mais brincadeiras em torno do seu nome. «Estava a tentar encontrar quem quisesse ir comigo ver um concerto, mas depois de mais de 100 pessoas me dizerem que gostavam era de ver os Melmet Remolmer na Aula Vagna, passei-me», explica, em exclusivo para o Jornal do Fundinho.
Magina revela ainda que tem tido a sua vida condicionada pelo facto de o seu nome ter sido desde sempre usado para trocadilhos. «Tinha uma vivenda na Quinta da Marinha e a pressão era tanta que optei por me mudar para uma barraca em Setúbal. Além disso, sempre desejei ser mágico ou malabarista, mas muito cedo tive de desistir desses sonhos», refere, acrescentando que um dos maiores prazeres que lhe foi retirado foi o de «assistir aos jogos do Vitória».
Num momento em que tenta reencontrar o equilíbrio psicológico, Alberto Magina admite que passa os dias com inveja de alguns dos seus amigos: «Eu gostava era de ter um nome normal. Como o meu colega Aníbal Baralho. Aposto que com ele nunca ninguém se meteu...»

Etiquetas:

Arnaldo Midões

0 comentário(s):

Comentar


    Arquivo 2007: fevereiro | março | abril | maio | junho | julho | agosto | setembro | outubro | novembro | dezembro
    Arquivo 2008: janeiro | junho | julho | agosto | setembro | outubro | novembro | dezembro
    Arquivo 2009: janeiro | fevereiro | março | abril | maio | junho | julho | agosto | setembro | outubro | novembro | dezembro
    Arquivo 2010: janeiro | fevereiro | março | abril | maio | junho | julho | agosto | setembro | outubro | novembro | dezembro
    Arquivo 2011: janeiro | fevereiro | março | abril | maio | junho | julho | agosto | setembro | outubro | novembro | dezembro
    Arquivo 2012: janeiro | fevereiro | março | abril | maio | junho | julho | agosto | setembro | outubro | novembro | dezembro
    Arquivo 2013: janeiro | fevereiro | março | abril | maio | junho | julho | outubro | novembro | dezembro
    Arquivo 2014: janeiro | fevereiro | março | abril | maio | junho | julho | agosto | setembro | outubro | novembro | dezembro
    Arquivo 2015: janeiro | fevereiro | março | abril


    2007-2013, Jornal do Fundinho. CC: Atribuição / Uso Não-Comercial / Vedada a Criação de Obras Derivadas.
    Diretor: Afonso Barata   Editor de Nacional: Castro Castanheira   Editor de Mundo: Pinto da Cruz   Editor de Economia: Eufémia Saraiva   Editor de Sociedade: Arnaldo Midões
    Editor de Artes+Media: Lucília Gralha   Editor de Desporto: Manuel Feijão   Editor de Fotografia: Eugénio Calhau   Cartoonista: Duarte Bexiga
    Canal do Fundinho: José Libório   Rádio do Fundinho: Odete Antunes