<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d6779334299592895871\x26blogName\x3dJornal+do+Fundinho\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dSILVER\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://jornaldofundinho.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3dpt_PT\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://jornaldofundinho.blogspot.com/\x26vt\x3d7297088095981209215', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script>







   





   

Assembleia Nobel acusada de populismo por distinguir estudo sobre telómeros

05 outubro, 2009

Doogie Howser está na linha da frente da contestação.

A comunidade científica internacional está em choque com a atribuição do Prémio Nobel da Medicina aos investigadores norte-americanos Elizabeth Blackburn, Carol Greider e Jack Szostak, pelo seu trabalho sobre uma enzima que protege os cromossomas. «Isto é inadmissível! É de um populismo atroz premiar uma investigação sobre como os cromossomas são protegidos pelos telómeros e pela enzima telomerase. Toda a gente compreende que os meus colegas só ganharam o Nobel devido ao enorme mediatismo dos telómeros», criticou, em exclusivo para o Jornal do Fundinho, Doogie Howser, médico no Eastman Medical Center e personagem ficcional de uma série televisiva do início da década de 90 do século passado.

Blackburn e Greider não convencem Howser [foto E. Calhau]

Howser afirmou mesmo que é o prestígio de toda a Medicina que está um causa a partir de hoje. De acordo com o médico adolescente, «se reduzirmos a prática e a investigação médica a termos que todos conhecem, como telomerase, corremos o risco de dessacralizar a área e qualquer dia os pacientes até começam a querer mesmo perceber o que têm ou a exigir que os curemos de situações tão complexas como uma constipação». Questionado sobre o que havia assim de tão complexo numa constipação, o especialista concluiu: «Vêem? Vêem? Já está a começar!» O menino doutor revelou não estar surpreendido com a «deriva popularucha» dos responsáveis pela atribuição do Nobel da Medicina, uma vez que «já nos dois últimos anos foram premiados estudos nas áreas do cancro, da SIDA e do Alzheimer, que também são palavras conhecidas por todos... mas pelo menos essas metem um medo do caraças!»
Além de indignado com a distinção, Doogie Howser confessou-se também desinteressado pelos resultados do estudo de Blackburn, Greider e Szostak, mesmo que este possa vir a contribuir para adiar o envelhecimento. «Quero lá saber disso: tenho 36 anos mas fisicamente continuo a parecer um adolescente de 16! E daqui por mais 20 anos ainda vai ser melhor: por um lado continuarei com este permanente desejo de me auto-gratificar, por outro terei acabado de arranjar uma loura 35 anos mais nova», considera.
A escolha do Prémio Nobel da Medicina é feita pela Assembleia Nobel, composta por 50 professores de diversas áreas médicas. Egas Moniz foi o único português a conquistar o galardão, em 1949, época em que o júri ainda aceitava cabritos, presuntos e galinhas como contrapartida para os votos.

Etiquetas:

Arnaldo Midões

0 comentário(s):

Comentar


    Arquivo 2007: fevereiro | março | abril | maio | junho | julho | agosto | setembro | outubro | novembro | dezembro
    Arquivo 2008: janeiro | junho | julho | agosto | setembro | outubro | novembro | dezembro
    Arquivo 2009: janeiro | fevereiro | março | abril | maio | junho | julho | agosto | setembro | outubro | novembro | dezembro
    Arquivo 2010: janeiro | fevereiro | março | abril | maio | junho | julho | agosto | setembro | outubro | novembro | dezembro
    Arquivo 2011: janeiro | fevereiro | março | abril | maio | junho | julho | agosto | setembro | outubro | novembro | dezembro
    Arquivo 2012: janeiro | fevereiro | março | abril | maio | junho | julho | agosto | setembro | outubro | novembro | dezembro
    Arquivo 2013: janeiro | fevereiro | março | abril | maio | junho | julho | outubro | novembro | dezembro
    Arquivo 2014: janeiro | fevereiro | março | abril | maio | junho | julho | agosto | setembro | outubro | novembro | dezembro
    Arquivo 2015: janeiro | fevereiro | março | abril


    2007-2013, Jornal do Fundinho. CC: Atribuição / Uso Não-Comercial / Vedada a Criação de Obras Derivadas.
    Diretor: Afonso Barata   Editor de Nacional: Castro Castanheira   Editor de Mundo: Pinto da Cruz   Editor de Economia: Eufémia Saraiva   Editor de Sociedade: Arnaldo Midões
    Editor de Artes+Media: Lucília Gralha   Editor de Desporto: Manuel Feijão   Editor de Fotografia: Eugénio Calhau   Cartoonista: Duarte Bexiga
    Canal do Fundinho: José Libório   Rádio do Fundinho: Odete Antunes