<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d6779334299592895871\x26blogName\x3dJornal+do+Fundinho\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dSILVER\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://jornaldofundinho.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3dpt_PT\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://jornaldofundinho.blogspot.com/\x26vt\x3d7297088095981209215', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script>







   





   

Pobres invadem campos de golfe porque este é o único desporto que têm dinheiro para praticar

15 março, 2011

Medida do Governo suscita polémica.

Após o anúncio da decisão do Governo em baixar o IVA aplicado ao golfe para 6%, milhares de portugueses pobres estão a correr para os campos de prática daquela modalidade, por esta ter passado a ser a única ao alcance das suas bolsas. «Ontem até estive no Lidl a olhar para umas bolas de futebol... Só a olhar mesmo, que com o IVA a 23% como é que eu havia de conseguir comprar uma? Mas quando soube desta notícia, comprei logo um conjunto de tacos, andei 25 quilómetros a pé, que não tenho dinheiro para o bilhete da camioneta, e vim aqui para o Clube de Campo da Aroeira para jogar uns buracos», afirma, em exclusivo para o Jornal do Fundinho, Alberto Graneleiro, serralheiro de tubos na Lisnave.
Mas Graneleiro é apenas um dos muitos remediados e miseráveis nacionais que se estão a iniciar na prática do golfe. Os responsáveis pelos principais campos da zona de Lisboa estimam um aumento de afluência na ordem dos 300%, calculado em função das entradas registadas e do número de garrafas vazias de tinto da Adega Cooperativa do Cartaxo abandonadas nos greens. Mesmo assim, o serralheiro e golfista com um surpreendente handicap 5 não hesita em criticar a resolução do Executivo de José Sócrates: «A verdade é que esta é uma medida segregacionista. Eu, por exemplo, tive de deixar de participar nos torneios de malha e de berlinde, devido aos custos absolutamente incomportáveis que eles representam. Desta forma, os pobres ficam condenados ao gueto do golfe!»
De acordo com Alberto Graneleiro, esta é mais uma das muitas dificuldades com que os portugueses de menores rendimentos têm de se confrontar atualmente. «Como se já não tivéssemos problemas que chegassem... Eu, por exemplo, andava há anos a poupar para comprar um Mini em sétima mão, mas com o preço a que está a gasolina, achei melhor desistir da ideia. Tive de me contentar com um iate de luxo, porque só pago 80 cêntimos por litro de gasóleo, o que sempre dá para compensar o investimento», explica.

Etiquetas:

Eufémia Saraiva

0 comentário(s):

Comentar


    Arquivo 2007: fevereiro | março | abril | maio | junho | julho | agosto | setembro | outubro | novembro | dezembro
    Arquivo 2008: janeiro | junho | julho | agosto | setembro | outubro | novembro | dezembro
    Arquivo 2009: janeiro | fevereiro | março | abril | maio | junho | julho | agosto | setembro | outubro | novembro | dezembro
    Arquivo 2010: janeiro | fevereiro | março | abril | maio | junho | julho | agosto | setembro | outubro | novembro | dezembro
    Arquivo 2011: janeiro | fevereiro | março | abril | maio | junho | julho | agosto | setembro | outubro | novembro | dezembro
    Arquivo 2012: janeiro | fevereiro | março | abril | maio | junho | julho | agosto | setembro | outubro | novembro | dezembro
    Arquivo 2013: janeiro | fevereiro | março | abril | maio | junho | julho | outubro | novembro | dezembro
    Arquivo 2014: janeiro | fevereiro | março | abril | maio | junho | julho | agosto | setembro | outubro | novembro | dezembro
    Arquivo 2015: janeiro | fevereiro | março | abril


    2007-2013, Jornal do Fundinho. CC: Atribuição / Uso Não-Comercial / Vedada a Criação de Obras Derivadas.
    Diretor: Afonso Barata   Editor de Nacional: Castro Castanheira   Editor de Mundo: Pinto da Cruz   Editor de Economia: Eufémia Saraiva   Editor de Sociedade: Arnaldo Midões
    Editor de Artes+Media: Lucília Gralha   Editor de Desporto: Manuel Feijão   Editor de Fotografia: Eugénio Calhau   Cartoonista: Duarte Bexiga
    Canal do Fundinho: José Libório   Rádio do Fundinho: Odete Antunes