<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d6779334299592895871\x26blogName\x3dJornal+do+Fundinho\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dSILVER\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://jornaldofundinho.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3dpt_PT\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://jornaldofundinho.blogspot.com/\x26vt\x3d7297088095981209215', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script>







   





   

Bloco petrolífero brasileiro da Galp quer «ser feliz em Portugal para sair para a Europa»

02 maio, 2009

Empresa portuguesa aposta em valores prometedores oriundos do Brasil.

O Bloco BM-S-11, onde a petrolífera Galp iniciou ontem testes de extracção de petróleo, manifestou o seu desejo de que o contrato com a empresa portuguesa lhe permita «ter uma boa prestação para depois poder pensar numa transferência para a Europa». O bloco, situado em águas ultra profundas da Bacia de Santos, no Brasil, confessou, em exclusivo para o Jornal do Fundinho, as suas ambições: «Pretendo desempenhar um bom papel em Portugal, mas o meu sonho é mesmo aproveitar a oportunidade para depois sair para a Europa e produzir para uma grande petrolífera».
O bloco marítimo teceu, ainda assim, rasgados elogios ao sistema de distribuição de produtos petrolíferos português, considerando-o «um sistema cheio de grandes valores, ao qual espero adaptar-me bem», mas sublinhou que a sua ambição passa mesmo por «ser distribuído num dos grandes sistemas da Europa, particularmente em Itália, Inglaterra ou Espanha». A nova contratação da Galp revelou ainda que confia nos também brasileiros BM-S-8, BM-S-21 e BM-S-24 para constituir uma importante parceria na estratégia da Galp.
A Galp é proprietária de 10% do passe do BM-S-11, com a Petrobrás a deter 65% e os restantes 25% a estarem nas mãos do BG Group, mas a duração do contrato com a petrolífera portuguesa não foi, para já, revelada. Recorde-se que a Galp tem feito, nos últimos tempos, uma aposta forte no Brasil, assinando nomeadamente contratos com alguns poços prometedores, detectados através de uma rede de olheiros instalada do outro lado do Atlântico. O mais recente, o 3GALP30RN, foi descoberto na Bacia de Potiguar, tratando-se de um poço onshore, posição em que, como se sabe, não abundam os poços em Portugal.

Etiquetas:

Eufémia Saraiva

0 comentário(s):

Comentar


    Arquivo 2007: fevereiro | março | abril | maio | junho | julho | agosto | setembro | outubro | novembro | dezembro
    Arquivo 2008: janeiro | junho | julho | agosto | setembro | outubro | novembro | dezembro
    Arquivo 2009: janeiro | fevereiro | março | abril | maio | junho | julho | agosto | setembro | outubro | novembro | dezembro
    Arquivo 2010: janeiro | fevereiro | março | abril | maio | junho | julho | agosto | setembro | outubro | novembro | dezembro
    Arquivo 2011: janeiro | fevereiro | março | abril | maio | junho | julho | agosto | setembro | outubro | novembro | dezembro
    Arquivo 2012: janeiro | fevereiro | março | abril | maio | junho | julho | agosto | setembro | outubro | novembro | dezembro
    Arquivo 2013: janeiro | fevereiro | março | abril | maio | junho | julho | outubro | novembro | dezembro
    Arquivo 2014: janeiro | fevereiro | março | abril | maio | junho | julho | agosto | setembro | outubro | novembro | dezembro
    Arquivo 2015: janeiro | fevereiro | março | abril


    2007-2013, Jornal do Fundinho. CC: Atribuição / Uso Não-Comercial / Vedada a Criação de Obras Derivadas.
    Diretor: Afonso Barata   Editor de Nacional: Castro Castanheira   Editor de Mundo: Pinto da Cruz   Editor de Economia: Eufémia Saraiva   Editor de Sociedade: Arnaldo Midões
    Editor de Artes+Media: Lucília Gralha   Editor de Desporto: Manuel Feijão   Editor de Fotografia: Eugénio Calhau   Cartoonista: Duarte Bexiga
    Canal do Fundinho: José Libório   Rádio do Fundinho: Odete Antunes