<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d6779334299592895871\x26blogName\x3dJornal+do+Fundinho\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dSILVER\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://jornaldofundinho.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3dpt_PT\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://jornaldofundinho.blogspot.com/\x26vt\x3d7297088095981209215', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script>







   





   

Teixeira dos Santos quer nacionalizar balneário do Sporting

06 novembro, 2008

Ministro não quer o mínimo sinal de crise em Portugal.

O ministro das Finanças anunciou hoje que o Governo vai propor à Assembleia da República a nacionalização do balneário do Sporting, tendo em conta a crise que ali se vive, com sucessivos casos em torno de Stojkovic, Vukcevic, Miguel Veloso e Yannick Djaló. Em exclusivo para o Jornal do Fundinho, Teixeira dos Santos justificou aquela que é segunda nacionalização numa semana mas apenas a segunda em Portugal desde 1975: «O Governo não pode assistir impávido e sereno à manifestação de sinais de crise, venham eles de onde vierem. Assim, e face à inexistência de uma solução que permita defender o interesse dos sócios e simpatizantes do Sporting, isto é, não tendo o clube dinheiro para contratar um treinador decente, vemo-nos obrigados a promover a nacionalização do balneário».
Questionado sobre quais os sinais mais fortes que levaram a esta decisão, o ministro falou dos «olhos tristes do Vukcevic na bancada e o facto de o Veloso já nem ter disposição para fazer penteados aparvalhados... ninguém poderia ficar indiferente a estes sintomas evidentes de crise». Teixeira dos Santos frisou ainda que o balneário do Sporting «tem vindo a ter problemas de liquidez, isto é, é líquido que o Paulo Bento não tem mãos para aquilo, e apresenta uma situação de iminente ruptura de pagamentos, ou seja, qualquer jogador faz e diz o que lhe apetece mas quem paga são sempre os mesmos».
Considerando que a situação do Sporting é excepcional, o ministro das Finanças rejeitou que pretenda fazer uma intervenção semelhante na Selecção Portuguesa, onde as coisas também não andam bem: «Nunca me passou pela cabeça nacionalizar a Selecção! Toda a gente sabe que o Madaíl é o dono daquilo!»

Etiquetas:

Eufémia Saraiva

0 comentário(s):

Comentar


    Arquivo 2007: fevereiro | março | abril | maio | junho | julho | agosto | setembro | outubro | novembro | dezembro
    Arquivo 2008: janeiro | junho | julho | agosto | setembro | outubro | novembro | dezembro
    Arquivo 2009: janeiro | fevereiro | março | abril | maio | junho | julho | agosto | setembro | outubro | novembro | dezembro
    Arquivo 2010: janeiro | fevereiro | março | abril | maio | junho | julho | agosto | setembro | outubro | novembro | dezembro
    Arquivo 2011: janeiro | fevereiro | março | abril | maio | junho | julho | agosto | setembro | outubro | novembro | dezembro
    Arquivo 2012: janeiro | fevereiro | março | abril | maio | junho | julho | agosto | setembro | outubro | novembro | dezembro
    Arquivo 2013: janeiro | fevereiro | março | abril | maio | junho | julho | outubro | novembro | dezembro
    Arquivo 2014: janeiro | fevereiro | março | abril | maio | junho | julho | agosto | setembro | outubro | novembro | dezembro
    Arquivo 2015: janeiro | fevereiro | março | abril


    2007-2013, Jornal do Fundinho. CC: Atribuição / Uso Não-Comercial / Vedada a Criação de Obras Derivadas.
    Diretor: Afonso Barata   Editor de Nacional: Castro Castanheira   Editor de Mundo: Pinto da Cruz   Editor de Economia: Eufémia Saraiva   Editor de Sociedade: Arnaldo Midões
    Editor de Artes+Media: Lucília Gralha   Editor de Desporto: Manuel Feijão   Editor de Fotografia: Eugénio Calhau   Cartoonista: Duarte Bexiga
    Canal do Fundinho: José Libório   Rádio do Fundinho: Odete Antunes